Sunday, August 27, 2006

bxp22243
O Negócio é amar

Tem gente que ama, que vive brigando
E depois que briga acaba voltando
Tem gente que canta porque está amando
Quem não tem amor leva a vida esperando
Uns amam pra frente e nunca se esquecem
Mas são tão pouquinhos que nem aparecem
Tem uns que são fracos, que dão pra beber
Outros fazem samba e adoram sofrer
Tem apaixonado que faz serenata
Tem amor de raça e amor vira-lata
Amor com champagne, amor com cachaça
Amor nos iates, nos bancos de praça
Tem homem que briga pela bem-amada
Tem mulher maluca que atura porrada
Tem quem ama tanto que até enlouquece
Tem quem dê a vida por quem não merece
Amores à vista, amores à prazo
Amor ciumento que só cria caso
Tem gente que jura que não volta mais
Mas jura sabendo que não é capaz
Tem gente que escreve até poesia
E rima saudade com hipocrisia
Tem assunto à bessa pra gente falar
Mas não interessa... O negócio é amar

Letra de Dolores Duran e música de Carlos Lyra

Amor em acto, actos de Amor?

Uma descrição ímpar de todos os amores que conhecemos - os nossos e os dos outros: saudáveis, desejados, românticos, obsessivos, sofredores, sádicos, masoquistas, preversos, egoístas, platónicos, loucos, emotivos..."Mas não interessa o negócio é amar".

Este poema foi encontrado em 1959 após a morte de Dolores Duran, cantora e compositora brasileira, juntamente com um bilhete para Carlos Lyra em que esta lhe pedia para dar música às suas palavras.


Para ouvir aqui a versão de Jo & Tuco ou Nara Leão

Aqui: tudo sobre música popular brasileira

6 comments:

Meia Lua said...

Eva querida, o que interessa mesmo é amar, é sentir alguma coisa, sentir-se vivo, ter emoção, gostar de alguém e sentir o coração bater, ouvir o som de uma mensagem no telemóvel e não conseguir resistir a correr para ver o que lá está... O que interessa é amar, difícil é encontrar alguém para amar (falo por mim) ;) beijinhos

eveonclouds said...

Eva
Amar: esse é o negócio. Bem ou mal, só ama quem entrega o coração... então, pois amemos sempre e cada vez mais! :)
um beijo pela limpida voz da Nara Leão a dizer-nos exactamente isso!

Maria said...

é tão bom amar, às vezes é tão libertador, ter alguém que nos acompanha, com quem conversar, com quem a troca de um olhar dispensa palavras. :o)!

Beijinhos

Parrot said...

Amar é único.....e consiste em dar....de forma desinteressada
(alguns post's maias abaixo já falamos disso)

Tudo bem?

Beijinhos admirável Eva

Maria Pedro said...

E sobre o amor... parece que discordamos... hoje, pelo menos, evinha!

Beijo!

Guinevere said...

Amiga,
O negócio é mesmo amar. Se bem que nem sempre podemos ficar com esse amor.
Mas temos sempre a vida para amar, para olhar em frente, de cabeça levantada, para continuar.
Amar cada segundo e cada pormenor dos nossos dias. É esse o lema, é essa a forma de estar na vida. E é nos pormenores que vamos encontrar forças para continuar.
Custa??? Se custa...
Beijos