Monday, May 01, 2006

Pequenos prazeres

Woman Reading By Hotel Swimming Pool., Las Vegas, Nevada, U.S.A., by Ray Laskowitz


Cada um tem os seus. Às vezes andamos demasiadamente ocupados para pensar neles. Contudo, há pequenos gestos que significam muito, coisas relativamente simples que dão cor à vida e nos fazem sentir tão bem…

- Uma boa conversa;
- Uma cama com lençóis lavados e bem esticados;
- A praia – olhar o mar, o cheiro da maresia, andar descalça na areia;
- Uma noite de lua cheia;
- Dançar;
- Ouvir músicas antigas;

- Uma chuvada no Verão;
-
O Sol no Inverno;
- Um e-mail, um telefonema, um encontro inesperado
- Chocolate em barra, bombons, bolo de chocolate, brigadeiros, chocolate quente, gelado;
- Pasteis de nata e pasteis de Belém;
- Pasteis de feijão, 1 D.Rodrigo;
- 15 Minutos de massagem shiatsu;
- Uma camisola de lã quentinha;
- Perder-me em lojas ou feiras à procura de pechinchas;
- Ficar horas em livrarias;
- Não ter horas para nada;
- Um bom filme;
- Um bom livro;
- O arco-íris;
- Apreciar a paisagem de um ponto alto;
- Partir sem destino;
- 1 Caipiroska depois de um dia de trabalho;
- Entrar numa loja e experimentar roupa diferente...

23 comments:

As Musas said...

Sempre disse e continuo a dizer:
- É as coisas simples da vida que nos dá prazer.

Joca said...

em pequenos prazeres recordamos grandes momentos...

Eva Shanti said...

Mais do que recordar é saborear cada momento, apreciar pequenas coisas que estão ao nosso alcance...

Bjs

Nat aka Psipsina said...

A passear por blogs e encontrei este que gostei muito, vai escrevendo que garanto que vou lendo!
quanto aos prazeres, para mim, quase tudo certo, só substituia a massagem que lá está por uma massagem ayurvédica, tirava os doces (ninguem acredita, mas não gosto) e em vez de caipiroska bebia uma cervejolas.
E esta tarde vai já uma super bock!
Um bem haja

Nat aka Psipsina said...

15Kg? Bolas ainda eu digo que a minha Micas está gorda! Eu tenho uma paixão muito especial por gatos, tenho uma gata a viver comigo e não me canso de a admirar.
Obrigada pela passagem pelo meu blog, e já agora, adoro o filme all about eve.
Bom resto de domingo

Eva Shanti said...

Correcção: 15 anos, e entre 10 a 12Kgs (o máximo que o consegui emagrecer foi até aos 8, agora já não me preocupo muito, pois ele anda feliz e brincalhão).

:)

xanocas said...

Vi o teu comentário no "Grainhas" e para satisfazer a curiosicade, vim dar uma olhada... E gostei! :)

Continua!

Beijocas.
Ps - Eu estou com a Nat... Troco a Caipirosca por uma cerveja bem gelada... Preta e se possível, Guiness :)

Nat aka Psipsina said...

Sorry, realmente não escreveste 15 Kg, eu é que enganei. Não quero que a minha Micas seja a única gata gorda!
Ainda em relação à tua lista de prazeres, podias fazer uma tabela em que em cada mês ou semana, consoante os teus ritmos, assinalasses aqueles que atingiste/fizeste/sentiste/etc. claro que alguns estão dependentes da estação do ano, mas esses só contavam na altura certa.
assim, ias avaliando o teu grau de satisfação.
acho que vou fazer isso para mim...

Maria said...

Hum...e aquele banho de mar no meio de uma grande chuvada semi-inesperada no Verão? E sentir o vento quente na cara enquanto estou sentada a ver o mar no horizonte? E ir ao Cabo Espichel? Pronto, já me fizeste sentir muito bem...I simply remember my favorite things and then I don't feel so bad...
Beijocas

Eva Shanti said...

Maria,

Ainda bem que te sentiste bem. A ideia era mesmo essa. Depois de ter deixado toda a gente triste com a história da Lolo Ferrari, eu também fiquei triste e precisava de animar...

Bjs

a lice said...

Pequenos prazeres que sabem tão bem...:)

Clife said...

Carpe diem! (: *

SPECTATOR said...

gostei do blog!
jinhos

Parrot said...

Amiga Eva,

tenho outros mais, mas comparto contigo:
- Uma boa conversa;
- A praia – olhar o mar, o cheiro da maresia, andar descalça na areia;
- Uma chuvada no Verão;
- Um e-mail, um telefonema, um encontro inesperado
- Ficar horas em livrarias;
- Um bom filme;
- Um bom livro;
- Apreciar a paisagem de um ponto alto;
- Partir sem destino;

Acrescento a estes apenas 1. Às vezes o silêncio absoluto....é um local de encontro.

Beijo e um :-)

PS – Lembrei-me agora de outro...."Sandocha na Mealhada".
lol

Ana said...

Simple things.... são as melhores!!
Bjs

'Tá Difícil said...

"Ai que prazer não cumprir um dever
ter um livro para ler e não o fazer..."

Quando se fala em momentos de prazer... este poema rodopia-me sempre na memória. Ainda que... ler, seja um dos meus muito gratos prazeres.
Entre outros...
Adoro observar os meus filhos quando se encantam com coisas novas que lhes mostro.
Adoro fazer colares de flores silvestres.
Adoro entrar na sala quente da lareira depois de ter ido ao frio da rua fechar o portão.
Adoro comer fruta acabada de colher.
Adoro fumar o meu cachimbo, sentado no telheiro ao fim do dia enquanto oiço o som dos ralos no campo.
Adoro.

Um beijinho

Isabel-F. said...

adorei ler...

vários dos teus pequenos prazeres coincidem com os meus...

beijinhos

Leonoretta said...

yah. tudo bom. tudo bom. mas o arco iris é uma magia.

beijinhos da leonoreta

Su said...

adorei ler.te
(mesmo sem fazer comentários passo habitualmente pelo teu cantinho, pelo prazer que me dá ler.te)
jocas maradas de tempo

Tita - Uma mulher, Um blog, algumas palavras said...

Temos muitos prazeres em comum....
Muito agradável vir visitar-te. Obrigada

lr said...

partilho quase todos. gosto especialmente do 'não ter horas para nada' - talvez o mais raro para mim.
junto-lhe outro: revisitar blogs de que gosto muito. como este. mesmo que/quando não estejamos de acordo. bjs

Maria Pedro said...

Tirava a caipiroska e tornava a tua lista infinita...
Bolas, nem de propósito, Evinha. E eu que acabo de postar sobre o "indulging myself"...

Eva Shanti said...

MP,

Mas que embirranço que vocês têm com a minha caipiroska! Olha, são todas para mim! Adoro! Aliás, sei fazê-las e tudo!

Quanto ao tema em comum, ainda que com abordagens diferentes, é tudo uma questão de sintonia ;)


LR,

A discordância saudável é o motor da mudança e da evolução. Que seria de nós sem Galileu, Colombo ou Einstein, que dicordaram e defenderam as suas posições?

Titá,

Obrigada. É mútuo.

Su,

E ninguém obriga a nada! És uma querida e não me esqueci do que está prometido. Já tenho um post em que falo um pouquinho de Sternberg. A postar proximamente...

Leonoretta,

Sem dúvida! A última vez que vi um arco-íris fiz uma festa, porque é algo simples mas mágico!

Tá Difícil,
Ana,
Alice,
Isabel
Deus no Purgatório,
Clife,

Carpe Diem! Outra máxima que defendo.

Parrot,

Temos de combinar isso! ;)